Notícias da repressão relativas ao ano de 2006


23/04/2006

O dirigente máximo do Front National da Bélgica, Daniel Feret, de 61 anos de idade, foi condenado por um tribunal belga à interdição de qualquer actividade política durante 10 anos e a 250 horas de trabalho comunitário, nomeadamente na ajuda a imigrantes residentes em solo belga. Isto tem por base uma acusação de que Feret terá publicado panfletos de carácter racista. Caso não cumpra esta ordem judicial (entenda-se humilhação) Feret terá de cumprir 10 meses na prisão!

Os panfletos em causa retratavam imigrantes, comparando-os a criminosos e muçulmanos a terroristas.

Feret, que na próxima semana irá deslocar-se à Rússia para acompanhar um congresso europeu de nacionalistas, já fez saber que equaciona pedir asilo a este país, pois de acordo com ele na Rússia ainda existe uma efectiva liberdade de expressão.

Isto é revoltante, é vergonhoso, é nojento, enquanto a escumalha invasora pode tudo fazer, tudo dizer, tudo destruir, os nacionalistas são humilhados e condenados por tribunais circenses, que apenas gozam com aqueles que pagam os impostos a essa corja que dá pelo título de juízes.

Europeus ergam-se!

17/04/2006

Pedro Varela foi detido em Barcelona. Pedro Varela é o dono da Livraria Europa e foi presidente do extinto CEDADE, conhecido pela publicação de livros politicamente dissidentes. A razão da sua detenção, é editar e vender livros e outro material de conteúdo proibido, querem-no condenar por incitamento ao ódio racial e ao genocídio.

Pedro Varela já passou por processo idêntico em 1998.

12/03/2006

A polícia alemã realizou um raid contra a Blood & Honour em 119 locais distintos, apreendeu uma série de cd’s, livros, autocolantes com apologia ao nacional-socialismo e de publicidade à organização B&H.

O único crime??? Ter autocolantes, cd’s e livros que fazem a apologia a um regime político que marcou a história mundial mas que os senhores mundialistas detestam.

Há quem diga que “antigamente” se queimavam livros que iam contra o pensamento do Estado mas hoje apreendem-se e proíbem-se livros, num Estado dito democrático, impedindo que o cidadão se instrua e seja autodidacta.

21/02/2006

O historiador britânico David Irving foi condenado a três de prisão, por colocar em causa as teses do «politicamente correcto». A Áustria, país livre e democrático (?), condenou um historiador por apresentar os seus factos sobre um acontecimento histórico. É esta a Europa democrática e moderna?

17/01/2006

Revolta, indignação, repressão… É esta a democracia Europeia? A democracia que favorece os não-europeus? Eles são os nossos governantes, ou são os governantes dos não-europeus? Têm de defender os nossos direitos, ou os direitos dos outros?

14/01/2006

Os camaradas da Solidariedade Alsaciana distribuíram alimentos junto dos sem-abrigo. Contudo, o Presidente da Câmara de Bas-Rhin proibiu a distribuição porque a considerou racista já que contém sempre derivados de porco. Que culpa têm os Europeus que os muçulmanos não comam PORCO?

Os camaradas alsacianos recorreram da decisão, vamos aguardar.

Comentários

Sem comentários

Adicionar Comentários

Este post não permite comentários